PÁGINA DO FACEBOOK

O PERIGO DE SER DO CONTRA

1 Samuel 15.23 “A revolta contra o Senhor é tão grave como a feitiçaria, e o orgulho é pecado como é pecado a idolatria...”. Introdução Certa vez um cidadão desembarcou num Estado distante e foi logo perguntando: “Tem governo nesse Estado?” Alguém respondeu imediatamente: “Tem sim! Claro que tem!” E o cidadão declarou: “Pois diga que eu sou contra”. O perigo de ser do contra. Este é o tema do sermão. A Bíblia nos ensina isto: “A rebelião é como o pecado da feitiçaria”. Estudando a Bíblia, nós não encontramos nenhum outro tipo de desobediência, que seja tratada com tanta severidade pelo Senhor, como esta: a rebelião, a revolta contra o Senhor. Na Bíblia, lemos de pessoas ficando gravemente enfermas (Nm 12:10)... lemos de reis perdendo o trono (I Sm 13:13,14)... e de gente sendo morta, simplesmente pelo fato de que se levantaram contra a autoridade de Deus (Nm 16:1-33). Trago, portanto, um assunto muito sério. E o mais chocante, porém, é que a rebelião não acontece só quando alguém se levanta contra o Senhor. A verdade é que, todas as vezes que o homem se levanta contra autoridades constituídas e ungidas por Deus, ele também é tratado como um rebelde. Agora, por que isso acontece? Por que o Senhor usa de tanta severidade para com este tipo de pecado? • Em primeiro lugar, é porque: Deus não tolera a rebelião Você sabe que Deus criou e sustenta o Universo... Se há algo que Deus não pode abrir mão é do governo sobre todas as coisas. Quando Deus criou o homem e o colocou no Jardim do Éden, com todo o respaldo para viver feliz e desfrutar da Terra, Deus deixou bem claro que a única condição para que tudo permanecesse bem, era que Adão e seus descendentes, se sujeitassem a Ele. Aquela árvore do conhecimento do bem e do mal, colocada no meio do jardim com seu fruto proibido, era um aviso para o homem. Deus dizia: “Você pode dominar sobre tudo, mas quem manda em você sou Eu, o sou o Senhor”. Mas, ao comer daquele fruto, Adão e Eva estavam se levantando contra o senhorio de Deus... eles estavam proclamando independência e, como resultado, receberam a maldição do pecado, que é a morte, não somente sobre si mesmos, mas também sobre toda a raça humana. Deus não tolera a rebeldia à Sua autoridade. • O segundo motivo pelo qual Deus trata severamente a rebelião é porque: Ela leva o homem a ficar parecido com Lúcifer, o querubim corrompido, que é Satanás. Foi exatamente o ser contra a soberania de Deus, que fez com que Lúcifer e um terço dos anjos, fossem expulsos do céu e se tornassem um reino asqueroso, infestado de demônios sobre a Terra. Quando nós nos rebelamos contra uma autoridade, nós que fomos feitos para manifestar o caráter de Jesus, assumimos uma postura diferente, tornando-nos parecidos com aquele que se tornou o maior inimigo de Deus, o diabo. É por isso que Deus é severo com a questão da rebeldia: quando você se rebela contra as autoridades, você se torna parecido com o diabo. Misericórdia! • Agora, o terceiro motivo porque Deus trata a rebelião com tanta severidade, é que: A rebelião possui um terrível poder de contaminação (II Timóteo 3 : 1-9) Pessoas rebeldes são como o estopim de uma grande bomba. Ao lado de um rebelde, logo se levantarão muitos outros... por isso, os rebeldes não podem ser deixados à revelia... Deus é severo com os rebeldes. Talvez você ache desnecessária esta palavra. Afinal, estamos numa igreja e todos têm consciência destas verdades... Infelizmente, não é bem assim... pessoas mal informadas podem abrir brechas... sem falar nos que não se convertem ao Senhor, mas que se infiltram no meio da igreja, com aparência de bom crente, mas que na verdade nunca se converteu ao Senhor e que seduz os crentes desprecavidos. • A rebeldia, tão severamente tratada por Deus, nem sempre é explícita. Muitas vezes ela se apresenta sutil e traiçoeira. É uma discordância aqui... uma crítica ao líder ali, uma acusação, uma palavra de murmuração... isso pode ser a ponta de um iceberg. (2º Ped. 2: 9-10) Conclusão Deus não tolera a rebeldia... ela leva o homem a ficar parecido com Satanás, e possui um terrível poder de contaminação. Portanto, é um fruto proibido, que não podemos tocar. É um perigo ser “do contra”... então, é bom a gente ponderar: com quem vamos nos assemelhar: Lúcifer ou Jesus?

0 comments

Postar um comentário

Seu comentário é bem vindo

Compartilhar

Ocorreu um erro neste gadget

Ache Aqui...