Chegou a hora de cruzar o seu Jordão



 - Referência: Josué 1.1-9
INTRODUÇÃO: Atravessamos o deserto, enfrentamos lutas, tentações, batalhas, perigos. Porém, a vida nos apresenta novos desafios constantemente. Como o povo de Israel agora chegou a hora de cruzar o nosso Jordão. Há uma terra a ser conquistada. Há inimigos a serem vencidos. Fazia mais de 500 anos que promessa havia sido feita a Abraão.
- Há muitos sonhos que você tem nutrido há anos: no seu casamento, na sua família, no seu trabalho, nos seus estudos, na sua vida financeira, na sua vida espiritual. Agora, chegou a hora de você também cruzar o seu Jordão, entrar na sua terra prometida.
O que você precisa fazer para cruzar o seu Jordão? significa aquele que desce ou também lugar onde se desce. Ali, Jacó teve medo, ficou e orou a Deus, desceu Gen. 32:-7-11, ali Davi depois de todas as lições que aprendeu com a revolta de Absalão e a consequência de seu pecado passa voltando pra Jerusalém 2ª Sam. 19:15, ali Elizeu começa seu ministério, depois da perda de seu Senhor Elias 2ª Reis 2:14, ali Naamã aprende a se humilhar a descer para receber a benção da cura 2º Reis 5:10, o Jordão é o lugar do batismo, da imersão, da mudança do arrependimento, da submissão.
I. É PRECISO TIRAR OS OLHOS DA CRISE E SABER QUE DEUS ESTÁ NO CONTROLE.  
1. Moisés está morto, uma crise real está instalada – v. 1-2. Moisés o grande líder, o grande libertador, o grande legislador, o grande intercessor está morto.
2. Moisés está morto, mas Deus continua no trono – v. 1-2. Às vezes, damos desculpas, dizendo para Deus que não estamos preparados para cruzar o nosso Jordão e tomar posse da terra prometida. Porém Deus não nos promete algo que não podemos alcançar.
3. Moisés está morto, mas o povo precisa cruzar o Jordão e conquistar a terra prometida – v. 2
Existem perdas que são inevitáveis, e precisamos nos conformar com o inevitável, porém sem tirar os olhos da promessa.

II. PRECISAMOS SAIR DO DESERTO E CRAVAR OS OLHOS NOS NOVOS DESAFIOS – V. 1-2
1. O deserto estéril não é o nosso paradeiro, deserto é lugar transitório para o crente. Você não foi chamado para fazer do deserto o seu cemitério. A incredulidade nos enterra no deserto, mas a fé nos leva a cruzar o Jordão.

2. As cidades fortificadas precisam ser conquistadas. Deus não nos chamou para contar os inimigos, mas para vencê-los. Há inimigos que nos espreitam. Mas a vitória vem do Senhor. Ele quebra o arco e despedaça a lança. Nenhuma arma forjada contra você vai prosperar. Desaloje o inimigo. Entre nessa peleja sabendo que o Senhor é quem te conduz em triunfo.

4. O tempo de agir é agora. A vida não é um ensaio. Muitos vivem como se a vida fosse um ensaio. Muitos entram em cena e fazem as coisas sem excelência, pensando que poderão repetir aquele ato. Engano. A vida não se repete. A vida não espera. O que você precisa fazer, deve fazer agora.

III. PRECISAMOS DISCERNIR A VISÃO DE DEUS PARA A NOSSA VIDA – V. 2-4
1. Josué recebeu visão clara sobre o que fazer, onde ir e a quem levar – v. 2-4
Deus respondeu três perguntas de Josué: a) A quem? Todo o povo. b) A onde? À terra que eu dou aos filhos de Israel, Canaã. c) Quando? Agora. Deus mostra os limites da ação de Josué (v. 2-3): “Todo lugar que pisar a planta do vosso pé, vo-lo tenho dado, como eu prometi a Moisés.

2. Qual é o grande propósito de Deus para a sua vida?
O que Deus chamou você para fazer? Qual é a paixão da sua vida? O que inflama o seu coração? A visão de Deus para sua vida está relacionado com aquilo que lhe pesa no coração.
Deus diz para Josué: “Não to mandei eu? Por que ainda não colocamos a mão no arado? Por que ainda não cruzamos o nosso Jordão? Por que ainda não tomamos posse da Terra Prometida?

CONCLUSÃO: Temos desafios na igreja, na família, no trabalho. Precisamos atravessar o nosso Jordão. Há uma terra a ser conquista e possuída. Ao seu redor há crise. Mas, Deus chama você e lhe faz promessas. É tempo de se levantar e obedecer. É tempo de experimentar os milagres de Deus, pois quando agimos em nome de Deus e para glória de Deus, o Jordão se abre, os inimigos fogem e nós possuímos a terra da Promessa.

Anúncio